Bandeira deve ficar vermelha em outubro e taxa extra na conta de luz subir a R$ 3,50

Bandeira vermelha deve voltar para a tarifa em agosto
18 de julho de 2017
Indústria reafirma compromisso com desenvolvimento sustentável
5 de outubro de 2017

Segundo fonte ouvida pelo G1, Aneel anuncia nesta sexta que cor da bandeira tarifária passará de amarela para vermelha patamar 2, o mais alto. Mudança se deve a estiagem que atinge hidrelétricas.

A estiagem e a necessidade de uso mais intenso das termelétricas vão pressionar as tarifas de energia a partir de outubro. O G1 apurou que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anuncia nesta sexta-feira (29) que a bandeira tarifária vai passar para vermelha patamar 2, o mais caro previsto, e a taxa extra cobrada nas contas de luz vai subir em outubro para R$ 3,50 a cada 100 kWh consumidos.

Seria a primeira vez desde 2015, quando o sistema de bandeiras foi criado, que a taxa extra de R$ 3,50 seria cobrada. No mês de setembro, vigorou a bandeira amarela, que aplica uma taxa extra de R$ 2 para cada 100 kWh de energia consumidos.

Para maiores informações, acesse o site:
https://g1.globo.com/economia/noticia/bandeira-deve-ficar-vermelha-em-outubro-e-taxa-extra-na-conta-de-luz-sobir-para-r-350.ghtml