Consumo na área da Energisa tem crescimento de 2,9% em 2018

Ocorrências em hidrelétricas fazem Brasil importar energia da Argentina
28 de janeiro de 2019
Subsídio na conta de luz demanda R$ 20,2 bi em 2019, alta de 1%, diz Aneel
31 de janeiro de 2019

Canal Energia – 28/01/2019

O Grupo Energisa informou nesta quinta-feira, 24 de janeiro, que o consumo de energia elétrica em sua área de concessão atingiu 9.021,0 GWh no quarto trimestre de 2018, o que representa aumento de 3,4% na comparação com igual período do ano anterior. Considerando o fornecimento não faturado, a crescimento seria de 4,1%.

Segundo a Energisa, o crescimento no último trimestre se deu, principalmente, ao aumento do consumo das classes rural (+3,1% ou 26,0 GWh) e industrial (+4,1% ou 72,6 GWh), nessa última, em especial, nas áreas de concessão da Energisa Tocantins (+10,4% ou 8,1 GWh, favorecida pelo segmento de minerais não metálicos), Energisa Mato Grosso (+6,2% ou 28,6 GWh, beneficiada pelo segmento alimentício), Energisa Mato Grosso do Sul (+12,4% ou 32,1 GWh, impulsionada pelo setor de madeira e minerais não metálicos) e Energisa Sul-Sudeste (+5,8% ou 16,9 GWh, puxada pelo setor alimentício).

O consumo de energia elétrica nas áreas de concessão do Grupo Energisa encerrou o ano com alta de 2,9% (991,3 GWh), com avanço em todas as classes de consumo, em especial a industrial e rural que apresentaram aumento de consumo de 4,5% e 5%, respectivamente. A Energisa controla 11 distribuidoras de energia espelhadas pelo país.