Uso do Filtro Capacitivo na redução de distorções harmônicas em Grid

Filtros Capacitivos Lumilight do Brasil na página da Agência USP de Noticias
15 de março de 2016
Descarte de lixo eletrônico e os riscos para o meio ambiente
11 de abril de 2016

unnamed

É com grande satisfação que estamos enviando mais um estudo cientifico – laudo público, agregando mais conceitos a nossa tecnologia, realizado pelo Mestrando André Luis Céspedes da Silva na Universidade de Nevada Las Vegas, Universidade esta referência a nível mundial em estudos de sustentabilidade e fontes renováveis de energia e água, fundada em 1957, é uma instituição particular localizada em Las Vegas, no estado de Nevada. Recebe atualmente quase 28 mil estudantes. Outorga diplomas de graduação, mestrado e doutorado em diversas áreas como Negócios, Educação, Engenharia, Belas Artes, Administração Hoteleira, Artes Liberais, Ciências, Relações Públicas, Odontologia, Direito, Enfermagem, Ciências Biológicas e Honors Programs.Uso do Filtro Capacitivo na redução de distorções harmônicas em Grid

 

Esta parceria firmada entre o Laboratorio LAFAC/USP e a Lumilight do Brasil no inicio do ano passado, veio com o intuito de gerar uma maior abrengencia, para o conhecimento público, de nossa tecnologia a todos os consumidores de energia elétrica, após apresentarmos e enviarmos todo o descritivo tecnico dos Filtros Capacitivos Lumilight do Brasil, onde o Professor Doutor Ernane Xavier avalisou e aprovou nossas aplicações na proteção da rede elétrica em uma medição do real de consumo. Com isso fechamos uma parceria onde todos os novos projetos e expansão de novos conceitos são realizados entre o Laboratorio LAFAC/USP em conjunto com a Lumilight do Brasil, dentre esses conceitos pode-se destacar a PUC-SP, CEFET-MG, SODEBRAS, e agora recentemente o envio de um mestrando a Universidade de Nevada Las Vegas, onde foi realizado o estudo da aplicação do Filtro Capacitivo a energia solar.

O Laboratório de Física Aplicada e Computacional, que foi criado em 2003 com a finalidade de integrar computação inteligente e rede de sensores, faz parte daUniversidade de São Paulo (USP), uma universidade pública, mantida pelo Estado de São Paulo e ligada à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia e eleita a 11ª Universidade mais conceituada do mundo.

 

Os benefícios da aplicação dos Filtros Capacitivos em placas fotovoltaicas foram realizados no Departamento de Engenharia Civil, Ambiental e Construção, da Faculdade de Engenharia da Universidade de Nevada de Las Vegas, onde a Dr. Yahia Baghsouz desenvolveu através de algumas pesquisas relacionadas a eficiência energética, o Microgrid, cujo objetivo é estudar o impacto de diferentes componentes de distribuição e de armazenamento de energia em redes elétricas reais, uma vez que, o armazenamento das placas solares é ainda pouco eficiente, outro fator que pode ser atenuado com o tempo e com as diferentes evoluções tecnológicas. Por enquanto, esse baixo aproveitamento prejudica ainda mais a relação custo-benefício dos equipamentos de energia solar, pois os painéis solares têm um rendimento de apenas 25%, e ao longo dos anos tem sua eficiência reduzida em cerca de 2% ao ano.

Este estudo chegou a ser realizado através da parceria por parte da UNLV em conjunto com o laboratório LAFAC/USP e Lumilight do Brasil, após a validação do projeto encaminhado pelo Professor Ernane e aprovado pelo Dr. Boehm, diretor do centro de pesquisa em energia.

Outra vantagem que chamou a atenção dos Docentes da UNLV, foi a atuação de nosso produto na sustentabilidade, enfatizando o descarte inadequado das baterias no meio ambiente, causando um desastre ambiental gravíssimo e pondo em risco à saúde do planeta.

 

Clique aqui e veja o laudo completo.