Capacidade diminui e reservatórios SE/CO operam abaixo de 39%

CPQD comemora 43 anos de superação de desafios
2 de outubro de 2019
Itaipu atinge novo recorde mensal de produtividade
7 de outubro de 2019

Seguindo o movimento observado no mês de agosto, todos reservatórios do país apresentaram queda em suas capacidades de armazenamento em relação ao dia anterior. A região Sudeste/Centro-Oeste contou com variação de 0,2% e opera a 38,7% de sua capacidade, segundo dados relativos a operação da última terça-feira, 3 de setembro, levantadas pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). A energia armazenada do subsistema mostra 78.612 MW mês e a afluente foi para 77% da MLT. A UHE Furnas trabalha com 40,62% e a usina de Nova Ponte com 40,54% de sua vazão.

No Norte do país foi registrado recuo de 0,4% e os reservatórios funcionam com 63,5% do seu volume útil. A energia armazenada aparece com 9.548 MW mês e a afluente em 75% da MLT. A usina hidrelétrica de Tucuruí opera com 86,60% de sua capacidade. Já no Sul a diminuição foi de 0,8%, fazendo a vazão dos reservatórios caírem para 51,9%. A energia contida no mês foi para 24% da MLT, enquanto a armazenada marca 10.679 MW. As UHEs G.B Munhoz e Passo Fundo funcionam, respectivamente, com capacidades de 36,62% e 53,29%.

Por sua vez a região Nordeste teve redução de 0,1% e os reservatórios trabalham com 48,2% da capacidade. A energia afluente permanece em 46% e a armazenada indica 24.973 MW mês. A hidrelétrica de Sobradinho funciona a 40,74%.