Ocorrências em hidrelétricas fazem Brasil importar energia da Argentina

Consumo de energia bate recorde: 89.114 MW
25 de janeiro de 2019
Consumo na área da Energisa tem crescimento de 2,9% em 2018
29 de janeiro de 2019

Canal Energia – 24/01/2019

Com ocorrências que afetaram a geração de importantes hidrelétricas brasileiras, o país se viu obrigado a importar energia da Argentina, o que aconteceu entre às 13:40 horas até 16:36 horas da última terça-feira, 22 de janeiro. A informação foi reportada pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico, através do Informativo Preliminar Diário da Operação – IPDO.

Segundo a publicação, a importação de energia foi necessária visto a indisponibilidade dos Polos 1 e 3 do ELO CC Coletora Porto Velho/Araraquara II, que restringiu em 3.150 MW a geração das usinas Jirau e Santo Antônio. Houve também a indisponibilidade de 3.055 de geração em Belo Monte, por motivos ambientais e de manutenção. A compra de energia durou 2 horas e 56 minutos e o valor de importação atingiu 1.000 MW, através da estação conversora de Garabi I.